“O Vinícius tem dois pais”, defronta pai gay sobre sistema de matrículas de colégio

    Veja também

    Na semana passada, a Secretaria de Educação de São Paulo alterou seu sistema de matrículas para acolher quaisquer tipos de filiação dos alunos. Mas, infelizmente, essa não é uma realidade na maioria das escolas do Brasil. Benjamin Cano, que é casado com o empresário Louis Plànes, se sentiu constrangido ao renovar a matrícula do filho do casal, Vinícius, de 4 anos, em uma escola particular do Rio.

    “Na filiação está o nome do pai e da mãe. O Vinícius tem dois pais. É uma experiência constrangedora. Eu até sugeri para a dona da escola. Acho um absurdo ter na filiação pai e mãe. Tem que contemplar todas as famílias. Estamos quase em 2022, mas ainda há muitos atrasos”, disse o apresentador. Após conversa, Benjamin conta que a dona da escola aceitou as mudanças.

    "O Vinícius tem dois pais", defronta pai gay sobre sistema de matrículas de colégio
    “O Vinícius tem dois pais”, defronta pai gay sobre sistema de matrículas de colégio – Reprodução

    “Ela concordou comigo e disse que mudará o sistema. O Vinícius tem sorte de estudar em uma escola tão acolhedora e inclusiva. A mudança deve ocorrer em todas as escolas através de uma lei para que nenhum casal homoafetivo se sinta constrangido”, pontua.

    A mudança no sistema de matrículas de escolas estaduais de São Paulo ocorreu após uma decisão da Justiça em uma ação movida por um casal homoafetivo que teve o nome de um dos pais inscrito no campo destinado à ‘mãe’ da criança. Agora, no campo respectivo de pai e mãe, constará filiação 1 e filiação 2, evitando constrangimentos. As informações são do GAY BLOG BR by SCRUFF.