Veja também

    DATAS E LOCAIS DE EXIBIÇÃO:

    16/11 Quinta-Feira – CCSP – Sala Lima Barreto – 19h30
    22/11 Quarta-Feira – CCSP – Sala Lima Barreto – 15h30

    TÍTULO ORIGINAL: Tamara

    PAÍS: Venezuela / Uruguai / Peru

    ANO: 2016

    DURAÇÃO: 110′

    DIRETORA: Elia Schneider

    ELENCO: Luis Fernadez, Prakriti Maduro, Karina Velazquez / ROTEIRO: Elia Schneider, Fernando Butazzoni / FOTOGRAFIA: Petr Cikhart / MONTAGEM: Christian Alexander, José R. Novoa / SOM: Damián Montes / ARTE: Yvo Hernandez / PRODUÇÃO: José R. Novoa / COMPANHIA PRODUTORA: CNAC, Unity Films, Joel Films, Jiresco (Venezuela) Agua Dulce Films (Peru), Leon Films (Uruguai)

    SINOPSE: Um bem-sucedido advogado, com esposa e dois filhos, finalmente chega a um acordo sobre seu desejo de se tornar uma mulher. Ele está determinado a seguir seu coração, embora isso vá virar seu mundo de cabeça para baixo e colocar sua vida em risco. Assim começa sua viagem para a redesignação de gênero…

    Prêmio Nueva Vision no Festival de Santa Barbara 2017.

    CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA: 12 anos

    FILMOGRAFIA DA DIRETORA:

    2010 Desautorizados

    2004 Punto y Raya

    1999 Huelepega: Ley de la calle

    Artigo anteriorSonho em Outro Idioma
    Próximo artigoThelma