Queercore: How to Punk a Revolution

    Veja também

    DATA E LOCAL DE EXIBIÇÃO:

    17/11 Sexta-Feira – Cine Itaú Augusta 3 – 16h

    TÍTULO ORIGINAL: Queercore: How to Punk a Revolution

    PAÍS: EUA

    ANO: 2017

    DURAÇÃO: 83′

    DIRETOR: Yony Leyser

    ELENCO: John Waters, Beth Ditto, Kathleen Hanna, Kim Gordon, Bruce LaBruce, Peaches, Silas Howard, Genesis P-Orridge, Hole, Pansy Division / ROTEIRO: Yony Leyser / FOTOGRAFIA: Nina Berfelde / MONTAGEM: Kathrin Brinkmann, Ilko Davidov / SOM: Cornelius Rapp / PRODUÇÃO: Thomas Janze, Yony Leyser / COMPANHIA PRODUTORA: Desire Productions, Totho Productions

    SINOPSE: O que fazer quando a comunidade à sua volta não é aquela que você deseja? Em meados dos anos 1980, Bruce LaBruce e GB Jones, dois punks com então 20 anos, criaram um movimento conhecido como Homocore, que viria a ser chamado Queercore. Desiludidos com as demandas conformistas dos movimentos pelos direitos gays e com a agressividade do punk, eles decidiram criar sua própria revolução, direto de seus quartos. Essa teatralidade gay radical espalhou-se pelo cinema, música, zines, performances e pelo ativismo, tornando-se um movimento internacional de rebelião underground.

    Seleção oficial do Frameline 2017 e Outfest 2017.

    CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA: 18 anos

    FILMOGRAFIA DO DIRETOR:

    2015 Desire Will Set You Free

    2010 William S. Burroughs: A Man Within

    2009 Anna & Bill (curta)