Veja também

    DATAS E LOCAIS DE EXIBIÇÃO:

    17/11 Sexta-Feira – CCSP – Sala Paulo Emílio – 19h
    19/11 Domingo – Cine Itaú Augusta  – 21h

    TÍTULO ORIGINAL: Karera Ga Honki De Amu Toki Wa / Close-Knit

    PAÍS: Japão

    ANO: 2017

    DURAÇÃO: 127′

    DIRETORA: Naoko Ogigami

    ELENCO: Toma Ikuta, Rinka Kakihara, Kenta Kiritani / ROTEIRO: Naoko Ogigami / FOTOGRAFIA: Kozo Shibasaki / MONTAGEM: Shinichi Fujima / SOM: Tetsuo Segawa, Masaru Okawara / ARTE: Mayumi Tomita / PRODUÇÃO: Takashi Iguchi, Satoshi Hayakawa, Toshiyuki Wake / COMPANHIA PRODUTORA: Suurkiitos

    SINOPSE: Aos 11 anos de idade, Tomo está totalmente entregue aos seus próprios métodos. A louça suja está empilhada na pia e oniguiri de supermercado é tudo o que tem para comer. A mãe solteira de Tomo costuma chegar tarde em casa, e bêbada. Quando um dia ela deixa a filha de vez, a garota tem que confiar na ajuda de seu tio, que a leva para morar com ele e sua namorada Rinko. Em seu primeiro encontro, Tomo fica pasmada ao descobrir que Rinko é transexual. Rinko imediatamente passa a tomar conta de Tomo. Ela não só prepara as refeições afetuosamente mas também é bem-sucedida em criar um novo lar para a garota. Mas em pouco tempo as rachaduras aparecem em seu ninho perfeito. Em tranquilas imagens concentradas, o filme retrata a sexualidade não normativa como uma forma natural de vida e descreve os valores familiares definidos não por convenção, mas por um ambiente de amor e carinho.

    Prêmio Especial do Júri Teddy no Festival de Berlim 2017, Melhor Ficção no Fes- tival LGBT de Tel Aviv 2017.

    CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA: 14 anos

    FILMOGRAFIA DA DIRETORA:

    2012 Rentaneko (Rent-a-Cat)

    2010 Toiretto

    2007 Megane (Glasses)

    2006 Kamome shokudô (Kamome Diner)

    2005 Koi wa Go-Shichi-Go!

    2003 Barber Yoshino (Yoshino’s Barber Shop)

    Artigo anteriorCentro do Meu Mundo
    Próximo artigoContra a Lei