Veja também

    Yes, We Fuck!
    Yes, We Fuck!
    Espanha | 2015 | 60′
    Diretor | Director Antonio Centeno, Raúl de la Morena
    PANORAMA INTERNACIONAL

    Este documentário perspicaz traz seis histórias sobre tesão, desejo e o direito das pessoas com diversidade funcional de desenvolverem sua sexualidade. Uma história variada e sem preconceitos sobre profissionais do sexo, relacionamentos e práticas sexuais como uma arma de ativismo. Em vez de abordar este tema unicamente pela perspectiva da atração, o documentário é um retrato honesto e sem censura – e uma voz forte – de como a sexualidade pode ser um ato político.

    This insightful documentary tells six stories of lust, desire, and the right to have a sexuality for people with a range of different bodies. A diverse and prejudice free story of sex workers, relationship, and sex as a weapon of activism. Instead of addressing sexuality as a question of attraction eclusively, this documentary is an honest and uncensored portrait – and a strong voice for how sexuality can be a political act.

    Ficha Técnica:

    Roteiro: Antonio Centeno, Raúl de la Morena Fotografia: Raúl de la Morena Montagem: Raúl de la Morena Som: Raúl de la Morena Música: Sònia Basco, Raúl Morales Produção: Raúl de la Morena, Antonio Centeno

    Filmografia do Diretor:

    filmografia Raúl de la Morena 2009 Tsitsanu, camina! 2007 Feldpost 23558 2006 Dones contra el Franquisme 2006 3ra. Fase 2005 Editar una Vida 2005 Fent Freaks

    Artigo anteriorThéo & Hugo
    Próximo artigoTerceira Pessoa