Humorista “Esse Menino” anuncia especial “Poodle”, que retrata a complexidade das vivências LGBT de modo cômico

O especial também é inspirado nas vivências de "Esse Menino" durante a infância, abordando questões como homofobia e amadurecimento.

LEIA TAMBÉM

- Publicidade -
- Publicidade -

O humorista mineiro “Esse Menino” (25), famoso pelo vídeo que ironiza a aquisição das vacinas Pfizer, e também por fazer questão de não revelar seu nome verdadeiro, lança um novo trabalho em que ele roteiriza, produz e protagoniza: “Poodle“, um especial de comédia online que mistura stand-up comedy, música e sketch. Os ingressos custam R$ 20,00 e podem ser adquiridos através deste link.

O especial é inspirado nos LGBTQIA+ e o objetivo é propor uma reflexão sobre a comunidade de modo divertido e baseado nas experiências do próprio humorista. São cinco atos contando a trajetória que os LGBTs enfrentam ao longo da vida: “Negação”, “Revolta”, “Depressão”, “Barganha” e “Aceitação”. No espetáculo também há criticas a heteronormatividade, a cultura do cancelamento, a mídia e estereótipos.

Além disso, o especial também é inspirado nas vivências de “Esse Menino” durante a infância, abordando questões como homofobia, o amadurecimento, e a problematização de situações cotidianas que acabam sendo normalizadas pela sociedade.

Humorista "Esse Menino" anuncia especial "Poodle", que retrata a complexidade das vivências LGBT de modo cômico
Divulgação

Segundo “Esse Menino”, a ideia por trás de “Poodle” foi experimentar algo novo, considerando que os vídeos que ele fazia até então seguiam o formato de 3 minutos, e este tem 47 minutos e participações de pessoas famosas como Jup do Bairro, Duda Beat e Chico Felitti. Para financiar o projeto, ele investiu todas as economias.

“Primeiramente, queria explorar só a questão do papel de ‘gay pet’, esses homens gays, cis, que são meio alienados. Ninguém sabe o que eles fazem exatamente, qual é a profissão deles. São conhecidos por estar sempre com famosos, naquela posição subalterna”, explica o humorista ao Estado de Minas.

“Achei que bater só nessa tecla (‘gay pet’) ia parecer um lugar meio de superior, como se eu também não tivesse vários pontos que podem ser abordados. Acabei tirando a narrativa um pouco daquele lugar de só apontar o dedo”, continua, acrescentando também que ele é “mais gay do que o normal” e que não teme rir de si mesmo.

MixBrasil
MixBrasil
Fundado em 1994, o MixBrasil é o primeiro portal de informações e cultura LGBTQIA+ do Brasil

Deixe uma resposta

- Publicidade -
- Publicidade -

Latest News

Virada Cultural 2022 terá Gloria Groove, Ludmilla e outros artistas LGBTQIA+

No próximo sábado (28) e domingo (29), além de Gloria Groove e Ludmilla, nomes como Filipe Catto, Potyguara Bardô, Luísa Sonza, Majur, Vitão e Pocah também se apresentam na Virada Cultural de SP

More Articles Like This

- Publicidade -